Palavras, palavrinhas e palavrões de uma pequena minoria dentro de uma elite ainda mais pequena... Se quiser partir alguma coisa envie por correio para: partemtudo@netcabo.pt

quarta-feira, dezembro 12, 2007

Nascimento do Treuze, a história verdadeira

Zé: Aposto que não consegues dizer "treze" com uma bola de ping-pong na boca.
Tó: Vai uma aposta?
Zé: Bambolé.

(silêncio)

Tó: "Trêuze".

Sem comentários: